aerodromo-e-aeroporto

Qual a diferença entre aeródromo e aeroporto?

Tempo de leitura 2 min

Hoje vamos entender melhor qual a diferença entre aeródromo e aeroporto. Apesar de ambos servirem para aviões transitarem e circularem, existem diferenças importantes entre as duas estruturas.

A aviação é uma das áreas mais tecnológicas e seguras quando se trata de transportes. São anos de desenvolvimento de inovações e aprimoramentos de protocolos através de pesquisas e análises de problemas.

Existem muitos termos dentro da aviação que podem causar confusão em relação aos significados, tanto por representarem aspectos similares como por fazerem parte de um jargão mais especializado.

Confira!

Primeiro, o que é um aeródromo?

O Código Brasileiro de Aeronáutica (CBA) define um aeródromo como “toda área destinada a pouso, decolagem e movimentação de aeronaves”. Essa definição está inserida no artigo 27 do CBA.

Existem dois tipos de aeródromos, segundo o artigo 28 do mesmo CBA: aeródromo civil e militar. Como a própria classificação sugere, o primeiro tipo se destina a uso por aeronaves civis e o segundo tipo é utilizado para aeronaves militares.

Dentro da classificação dos aeródromos civis ainda existem dois tipos: os públicos e os privados. É interessante ressaltar que essa diferença diz respeito ao tipo de uso da estrutura, não à propriedade. Isso quer dizer que o aeródromo particular somente pode ser utilizado pelo seu proprietário ou por quem ele determinar, enquanto o público é de uso da população de modo geral.

Para que um aeródromo se torne operante e aberto ao tráfego aéreo é obrigatório se submeter aos trâmites de autorização prévia de construção e operação, sendo a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) a responsável. O artigo 30 do CBA deixa bem claro que nenhum aeródromo civil tem autorização para ser utilizado sem estar previamente cadastrado no órgão competente.

Então, qual a diferença entre um aeródromo e um aeroporto?

O Código Brasileiro de Aeronáutica deixa bem claro a definição de aeroporto, e ela já nos responde qual a relação dela com a definição de aeródromo. Segundo o CBA, os aeroportos são “aeródromos públicos, dotados de instalações e facilidades para o apoio de operações de aeronaves e de embarque e desembarque de pessoas e cargas”.

Ou seja, para que se caracterize como um aeroporto um aeródromo precisa ser público e precisa conter facilidades que agregam usabilidade ao público durante sua operação. Já conversamos os aeroportos mais movimentados no Brasil em nosso blog, clique aqui e confira.

Algumas dessas facilidades que os aeroportos devem conter para serem classificados como aeroportos são:

    • Balizamento diurno;
    • Serviço contra sinistros e incêndios;
    • Climatização;
    • Esteiras para despacho de bagagens;
    • Sistema de som para orientação do público;
    • Serviço médico de emergência;
    • Escadas rolantes e elevadores;
    • Ponte de embarque, entre diversas outras possibilidades de estrutura e serviços.

 

Gostou deste post sobre a diferença de aeródromos e aeroportos? Visite nosso site agora mesmo!

Aproveite e nos siga nas redes sociais no Facebook, Twitter, YouTube, Instagram.

E conheça a eBianch, somos a maior plataforma EAD para pilotos e entusiastas de aviação, Centro de Instrução de Aviação Civil homologado pela Anac, acesse www.ebianch.com

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.
Ops! Captcha inválido, por favor verifique se o captcha está correto.